Como fazer precificação de produto? |Hands Gestão

Como Fazer Precificação De Produto Post - Terceirização Financeira | Hands Gestão
|
7 de junho de 2019
|

Como Fazer Precificação De Produto Post - Terceirização Financeira | Hands Gestão

Vender até pode parecer fácil, mas obter lucro em um determinado produto, é que muitas vezes, é o desafio!

Precificar é o mesmo que colocar preço, valor econômico em algo. É… meu amigo, e precificar não é algo simples não.

Na verdade, são necessárias várias horas de análises em torno de diversas variáveis, que mostram a partir de cálculos, qual percentual deve ser aplicado, para que a margem de lucro possa garantir a sobrevivência da empresa.

Durante os cálculos para precificar melhor seus produtos, é preciso detalhar tudo o que envolve aquele produto… quais são os custos totais?

  • Fornecedor?
  • Transportadora?
  • Valor do produto em si?
  • Valores contábeis, recursos e ferramentas para que aquele produto seja vendável?

Percebeu como tudo influencia?

Quando você realizar uma melhor precificação de produto, tem mais vantagens e garante que todos os custos, possam realmente ser cobertos de maneira adequada, sem ficar no prejuízo.

Uma análise do mercado e do preço cobrado pelo mercado, também deve ser realizado, pois nem sempre o preço baixo da concorrência, quer dizer que ela está tendo lucro.

Da mesma forma, se a concorrência está conseguindo precificar mais em conta os produtos, é preciso avaliar os fornecedores, marcas, qualidade dos produtos, dentre outros, pois se necessários, ajustes poderão ser realizados.

Como precificar produtos então?

Como nossa contabilidade para precificação de produto, disse antes, é preciso estar atento a vários detalhes, de forma a não ter prejuízos. Assim:

Todos os componentes que envolvem os custos, como impostos, fabricação do produto, matéria-prima, transporte, dentre outros, deve ser calculado junto.

O valor da concorrência, como dito antes, deve ser analisado criteriosamente. Entendendo algumas questões, como:

  • Por que eles cobram esse valor?
  • Quem são seus fornecedores?
  • Qual a qualidade dos produtos?
  • Qual a utilidade dos produtos?
  • Quais as garantias do produto?
  • Quais são as vantagens dos produtos

A questão do ponto financeiro do consumidor, deve ser calculado também. Como assim – você pode se perguntar. Mas respondemos!

Você deve ter uma noção do seu público-alvo, exemplos:

  • Por que ele compra esse produto?
  • Como esse produto pode gerar recorrência para você?
  • Qual é o poder aquisitivo do público-alvo?
  • Entre outros.

E claro, jamais podemos esquecer dos valores agregados ao produto. Esses valores são correlacionados ao tipo de atendimento e usabilidade que o produto tem ou traz a vida dos consumidores.

O quanto ele é efetivo, útil, bom e necessário?

Na sua oferta, o que mais pode envolver?

  • Tipo de atendimento.
  • Climatização do ambiente.
  • Treinamentos personalizados de funcionários – que enquadram os investimentos nas vendas dos produtos.

O consumidor percebe tudo. Desde o tipo de ambiente que você tem em sua loja ou empresa, até os recursos disponíveis que estão associados. Pode parecer bobagem pensar, mas quanto você investe em produtos de limpeza para que os banheiros estejam sempre limpos e cheirosos?

Isso é contabilizado?

Saiba que banheiros sujos, tendem a afastar mais clientes e por isso, esse investimento em sua empresa, é um recurso necessário e que tem total ligação com a precificação de produto.

 

Confira Nossos Servicos Gif - Terceirização Financeira | Hands Gestão

Pensou algum dia em tudo isso ou ao menos contabilizou tudo isso de forma a te fornecer maior apoio com precificações mais rentáveis e justas?

Não é ser mais caro e sim ter o preço justo e fazer o cliente entender isso!

Você quer ter isso? Vem falar conosco!

More articles

Como a Terceirização financeira pode ajudar sua PME?

6 de setembro de 2019

Como funciona o controle financeiro no varejo?

30 de agosto de 2019

4 erros de controle financeiro no varejo que podem ser fatais para a sustentabilidade do negócio!

23 de agosto de 2019

4 passos como controlar vendas no cartão de crédito

9 de agosto de 2019

LEAVE A COMMENT